Sobre Nós

A Empresa

Desde o ano da sua fundação, em 2007, a Servdebt cresceu de forma inigualável no mercado português de loan servicing. Sedeada em Lisboa e com escritórios no Porto e em Madrid, a Servdebt é já líder nacional em matéria de aquisição, gestão e recuperação de non performing loans.

Conjugando o desenvolvimento de sistemas e aplicações próprias com as melhores práticas do mercado e uma equipa de mais de 300 profissionais com o compromisso de prestar um serviço de excelência, a Servdebt gere ativos de aproximadamente €3.5 mil milhões de todas as tipologias de crédito.

Tendo iniciado o seu percurso gerindo o valor de apenas €43M em créditos, a Servdebt conta, atualmente, na sua carteira de clientes, com fortes investidores internacionais, bem como com as maiores instituições financeiras a operar no mercado ibérico.

A equipa da Servdebt é composta por advogados, gestores de crédito, analistas financeiros e gestores imobiliários alocados a cada cliente e funcionando de forma conjunta, que permitem a prestação de serviços integrados de aquisição e gestão de carteiras de crédito em incumprimento e gestão de ativos imobiliários.

Missão

Prestar um serviço integrado em gestão de créditos, análise de mercado e aconselhamento ao cliente à valorização e recuperação dos seus ativos.

Visão

Ser referência internacional em loan servicing, reconhecida pela inovação e excelência na prestação de serviços.

Valores

Inovação

Somos uma empresa de espírito enérgico e empreendedor, que entende que o mundo se encontra em permanente mudança e que, por isso, procura criar soluções que permitam a adaptação às exigências de mercado.

Excelência

Através da nossa dedicação e do nosso profissionalismo, procuramos obter uma alta performance para satisfazer as necessidades dos nossos clientes.

Compromisso

Confiamos na qualidade do nosso trabalho e procuramos corresponder às expectativas dos nossos clientes, respeitando normas éticas e de segurança.

Transparência

Para que se estabeleçam relações de confiança mútua com os nossos públicos, a prestação de informação integral e inteligível demonstra-se essencial.